Food Detective

As intolerâncias alimentares podem ser o gatilho para desordens ou doenças que interferem na qualidade de vida. O exame Food Detective identifica alimentos que levam à produção de anticorpos IgG, os quais podem estar relacionados com a origem de diversas doenças como – doenças intestinais (constipação e diarreia, síndrome do intestino irritável, doença de crohn, retocolite ulcerativa, flatulência), doenças gástricas (gastrite, refluxo), doenças respiratórias (rinite, sinusite, asma, bronquite), doenças dermatológicas (dermatites, eczemas, psoríase), doenças articulares (artrite, artrose), fibromialgia, enxaqueca, depressão, ansiedade, síndrome da fadiga crônica, distúrbios do sono, transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH), retenção de líquidos (inchaço) e dificuldade para o controle de peso (aumento ou diminuição de peso corporal).
O exame foi desenvolvido e produzido por Cambridge Nutritional Sciences Ltda, e é registrado e certificado no MS – ANVISA. O teste é realizado no próprio consultório por uma bioquímica, através da coleta de sangue de um capilar (ponta do dedo).
São avaliados 59 alimentos, entre eles aveia, trigo, arroz, milho, centeio, trigo duro, glúten, amêndoa, castanha do Brasil, castanha de caju, noz, amendoim, lentilha, ervilha, feijões, soja, chás, leite de vaca, ovo, carnes de frango, cordeiro, bovina, suína, peixes e frutos do mar, brócolis, repolho, cenoura, alho, alho-poró, batatas, aipo, pepino, pimentas, pimentões, azeitonas, tomate, grapefruit, melancia, melão, cacau, maçã, groselha, laranja, limão, morango, gengibre, cogumelos e fermentos/leveduras.
Com o exame Food Detective temos uma grande ferramenta para saber quais são os alimentos que podem interferir na sua saúde e diminuir sua qualidade de vida.